Cultura

'Fear the Walking Dead' em primeiro trailer sinistro de spin-off de zumbis

window.CnetFunctions.logWithLabel('%c One Trust ', 'IFrame carregado: iframe_shortcode com classe optanon-category-C0004');

'Espero que você tenha tomado a vacina contra a gripe. Um vírus estranho está circulando...' O primeiro trailer do spin-off de 'Walking Dead' nos leva de volta aos dias em que um desejo irresistível por carne está prestes a dificultar as coisas para as pessoas que preferem não acabar como um lanche saboroso para zumbis babando.

'Fear the Walking Dead' é ​​o título do novo programa de TV da AMC, ambientado no mundo pós-apocalíptico infestado de zumbis de 'The Walking Dead'. O trailer sugere que a nova série retornará às origens da infecção que transformou a população americana em “caminhantes” trôpegos, famintos por comer carne viva.

28 novos programas de TV para geek em 2015 (fotos)

 izombie-poster-2.jpg temerário-skyline-dd-motion-poster.jpg

Madrugada dos Mortos

  • Desfrute de 'The Walking Dead' em glória sangrenta de 8 bits
  • Zombie vs drone: só pode haver um vencedor
  • Arnie vs zumbi: Trailer é mais introspectivo do que você imagina
  • A ciência encontra o melhor lugar para se esconder dos zumbis

Os personagens principais são dois pais solteiros, interpretados por Cliff Curtis e o veterano da televisão Kim Dickens, com seus filhos junto para o passeio. A nova série chega às telas de TV neste verão, com duas temporadas de seis episódios já encomendadas.

'The Walking Dead' é ​​baseado no quadrinho Image de Robert Kirkman, Tony Moore e Charlie Adlard. Originalmente desenvolvido por Frank Darabont, o show começou em 2010 e terminou sua quinta temporada neste fim de semana.



Tanto o quadrinho quanto o show original de 'The Walking Dead' abrem após a infecção já ter dilacerado os EUA, quando o personagem principal Rick Grimes acorda de um coma e se encontra em um mundo pós-apocalíptico destruído, mas relativamente despovoado. Por outro lado, o trailer do spin-off 'Fear the Walking Dead' nos coloca em Los Angeles, sugerindo que podemos ver uma carnificina em massa à medida que a infecção atinge uma metrópole densamente povoada.