Tecnologia

Sony novamente aposta alto em vídeo 4K na CES

Agora jogando: Vê isto: O espetacular da Sony, a TV LED 4K de 5 mm de espessura 4:04

LAS VEGAS - Para a Sony, foi mais uma vez tudo sobre vídeo 4K de ultra-alta definição.

De uma televisão extremamente fina a uma Action Cam portátil semelhante à Go-Pro, a Sony apresentou vários produtos em sua coletiva de imprensa no Consumer Electronics Show. O tema comum: a capacidade de gravar ou exibir vídeo 4K.

A gigante da eletrônica tem interesse em promover o vídeo 4K, que acredita que impulsionará uma nova onda de compras eletrônicas de consumo. Mas ainda há poucas fontes de programas ou filmes em 4K, e é por isso que a Sony está empenhada em garantir que muitos de seus produtos - de smartphones a câmeras - possam gravar vídeos em 4K.

Histórias relacionadas

  • As Handycams CES 2015 da Sony incluem 4K menor e mais barato
  • Samsung vende mais da metade de todas as TVs 4K do mundo
  • Tecnologia de TV CES 2015: 4K até o fim

A Sony foi uma das muitas empresas que pressionaram pela adoção do 4K, com a indústria esperando que a qualidade visual superior impulsione as vendas de televisão da mesma forma que as TVs de alta definição impulsionaram a demanda. Samsung e LG também ofereceram uma série de televisores 4K.



Esse impulso inclui a estreia do 4K na Sony Action Cam, que leva o mercado de vídeo extremo GoPro. A empresa até colocou a lenda do skate Tony Hawk no palco para relatar suas experiências com o dispositivo. Hawk disse que a câmera era robusta o suficiente para ser presa ao seu skate, enquanto ainda era capaz de filmar imagens nítidas e de alta qualidade.

A Sony adotou um tom otimista durante o show, muitas vezes proclamando que pretende 'impressionar' o consumidor com seus produtos premium, tudo na esperança de atingir um acorde emocional. A empresa teve várias semanas difíceis, com a Sony Pictures ainda se recuperando de um hack que deixou milhares de e-mails e documentos corporativos privados expostos para escrutínio público.

O CEO Kazuo Hirai iniciou a apresentação abordando o assunto. A Sony foi 'infelizmente vítima de um dos ataques cibernéticos mais cruéis e maliciosos que certamente conhecemos na história recente', disse ele. Ele também agradeceu a seus parceiros e consumidores que foram ver 'A Entrevista', a polêmica comédia que as autoridades acreditavam ter sido o catalisador do ataque.

Ele encerrou sua declaração, no entanto, com uma nota mais leve, elogiando o outro filme de férias da Sony, 'Annie', que teve um desempenho ruim nos cinemas.

A Sony passou metade da apresentação analisando alguns de seus produtos existentes e os sucessos que obteve em áreas como imagens e sensores. Ele também elogiou o sucesso do PlayStation 4, que teve vendas totais de 18,5 milhões de unidades.

No lado móvel, a Sony também revelou um novo Smartwatch 3 de aço, que roda no software Android Wear do Google. E com um olhar para o futuro, a Sony mostrou o Smart B-Trainer, um protótipo de fone de ouvido que toca música e incentiva quem se exercita.